Econ – Diversificação dos investimentos

Atualizado: 20 de mar.

A diversificação dos investimentos consiste em distribuir o seu dinheiro em diferentes tipos de ativos.

Para explicar melhor, a diversificação é dividir a sua carteira em diversos tipos de investimentos, desta maneira se um de seus ativos cair os outros irão segurar a sua carteira, já ouviu aquela frase: ‘’Não coloque todos os ovos na mesma cesta’’? Essa frase explica bem o por quê a diversificação é tão importante, pois se a cesta cair, todos os ovos serão perdidos, diversificar é uma das principais maneiras de se proteger e evitar o risco do mercado.


Dica N.º 1 - Preste atenção no risco Não Sistemático


Para fugir do risco Não Sistemático a diversificação dos investimentos funciona muito bem, ao dividir o seu capital em ativos de diferentes segmentos você não fica exposto a um único risco, por exemplo:


Em uma carteira de ações:

● 10% no setor bancário;

● 10% no varejo;

● 10% na indústria;

● Etc.


Isto seria um exemplo de diversificação de investimentos, lembrando que o exemplo acima não é uma recomendação.


"Diversificação reduz os riscos, aumenta a previsibilidade e impulsiona os retornos." - Robert Brokamp, da Motley Fool


Dica N.º 2 - Invista em vários mercados


Ao diversificar a sua carteira lembre-se de investir em vários mercados, não apenas em ações, mas também em Renda Fixa, Fundos de Investimento, FIIs, ETFs, BDRs etc...


Isto porque cada mercado funciona de uma maneira específica e possuem um diferente risco. Assim, conseguir rendimentos de vários lados pode diminuir o seu risco com os investimentos.



Aprenda na prática com o Ranking do investidor, se cadastre e entre nesse mundo.


Link: https://rankingdoinvestidor.com.br/portal/sign-in.php


Abraço, investidores!


- Douglas Vieira

6 visualizações0 comentário